Dica para economizar em passagens pela Europa (indiada incluída)

Já aconteceu de você planejar uma viagem e ter que mudar parte do itinerário porque os preços das passagens estavam impraticáveis? Com a gente isso acontece sempre! 😛 Com o tempo, desenvolvemos uma estratégia marota para economizar em passagens pela Europa.

Acontece que você já deve ter ouvido que o Velho Continente tem passagens aéreas muito-mega-hiper-bláster baratas, principalmente quando comparamos com os preços dos voos aqui no Brasil. E é verdade! O problema é que, em alguns casos, os voos entre dois destinos acabam saindo inexplicavelmente caros – geralmente quando a viagem inclui algum país do Leste Europeu.

A gente já passou por esse problema algumas vezes: quando fomos de Dublin para Bucareste, ou quando precisamos voar de Budapeste para Porto. O dilema da vez foi nossa viagem entre Praga e Dublin.

Já tínhamos marcado as datas da viagem linda e ingenuamente e reservado a nossa hospedagem nas duas cidades. O problema é que o preço das passagens entre elas não baixava de € 100 (cerca de R$ 365) para as datas que queríamos. Detalhe: o preço é só de ida.

Um dia a passagem caiu de preço numa ~super~ promoção: € 77 (R$ 281) e logo depois subiu para € 95 (R$ 346). Tudo bem que não é nenhuma fortuna, mas a gente realmente queria gastar menos – e sabíamos que era possível.

Como resolver isso? Fazendo uma “escala”

Parece uma técnica bem idiota, mas foi o que fizemos nas outras vezes. Quando morávamos na Europa, em 2013, nós percebemos que os voos para Bruxelas e Milão eram sempre os mais baratos. E voo barato por lá significa qualquer coisa abaixo dos € 30. Foi assim que resolvemos usar essa informação para economizar em passagens pela Europa. * risada maligna *

No caso específico da nossa ida de Praga a Dublin, optamos por realizar uma parada em Bruxelas, que vai nos render uma economia de € 63 (R$ 230) por pessoa. É indiada? Pode crer que sim, mas vamos ter a oportunidade de conhecer a cidade rapidinho e, quem sabe, provar um waffle e uma cerveja belga.

Todos os preços abaixo foram pesquisados usando o Skyscanner e posteriormente confirmados no site da companhia aérea. Acompanha nosso cálculo.

Caso 1: comprando as passagens normalmente

Praga + Dublin = € 95 (R$ 346) pela RyanAir

Caso 2: economia (e indiada) incluída

Praga + Bruxelas (Charleroi) = € 17 (R$ 62) pela RyanAir

Bruxelas (Charleroi) + Dublin = € 15 (R$ 55) pela RyanAir

Reservamos com dez horas de diferença entre os dois voos, evitando que um eventual atraso faça com que percamos o segundo avião. Claro que é bom lembrar que o Aeroporto de Charleroi é bem longe do centro de Bruxelas e o ônibus que liga os dois pontos não é nada barato.

Resultado: se a intenção é ir até Bruxelas e passar o dia, a economia vai ser bem menor. Como o ônibus de ida e volta da empresa Flibco que liga os dois pontos custa € 28 (comprando com bastante antecedência, você encontra passagens a € 10), a economia seria um pouco menor, mas você ganha ~de brinde~ uma passagem por outra cidade. 😀

Óbvio que essa pode não ser a melhor opção do mundo. Mesmo assim, é uma sugestão para quem, como nós, quer/precisa economizar durante a viagem.

Por sinal, confira também algumas dicas de como economizar na hora de comprar passagens aéreas. 😉

Depois de me formar em comunicação, passei um tempo morando na Argentina, Irlanda e na Romênia. Foi morando cada vez menos que esqueci o significado da palavra e hoje mantenho a capital gaúcha como sede dessa vida quase nômade.

Comenta aí, vai! :D