Melhores bairros de Dublin: onde se hospedar na capital irlandesa

Definitivamente, eu não sou padrão na hora de escolher um bairro para me hospedar. Ao invés de ficar bem no meio do agito, quase sempre prefiro aquele bairro que fica pertinho do centro, mas mais perto ainda da “vida de bairro”. Praticamente toda cidade tem o seu – é onde vivem os estudantes, intercambistas e o povo diferentão em geral. E, para mim, esse é sempre o melhor lugar para ficar.

É claro que essa não vai ser a localização perfeita para todo mundo, já que há quem privilegie outras coisas durante a hospedagem. Foi pensando nisso que fiz uma listinha com os melhores bairros de Dublin, baseada na minha experiência na cidade. Mas antes, é bom entender como funciona a organização dos bairros da capital irlandesa.

Mapa de bairros de Dublin

Em primeiro lugar, você vai perceber que a cidade é dividida em regiões numeradas: D1, D2, D3… etc. Os números ímpares ficam ao norte, enquanto os números pares estão na parte sul, geralmente começando a contar a partir do Rio Liffey, que divide a cidade.

Para entender onde fica cada bairro citado abaixo, eu providenciei um mapa pra vocês. O meu mapa de bairros de Dublin ficou meio toscão, mas pode ajudar na hora de escolher os melhores lugares para se hospedar. Como as habilidades de design passaram bem longe de mim, fiz umas marcações no mapa no paint só para vocês se situarem, ok? Tem até uma legenda para localizar os bairros sobre os quais eu falo abaixo! O resultado pode ter ficado ruim, mas eu juro que a intenção foi boa! 😛

Mapa dos melhores bairros de Dublin

∴ Veja também: Dicas de hospedagem dos blogueiros ∴

Melhores bairros de Dublin

Pronto, agora que vocês já estão apresentados ao mapa de Dublin, vamos ao que interessa: descobrir quais os melhores bairros para se hospedar. Fiz uma listinha com quatro sugestões de áreas que podem ser boas opções para ficar. As dicas refletem a minha experiência e opinião pessoal e essa não pretende ser nenhum tipo de lista definitiva, mas sim um guia de bairros para quem vai a Dublin pela primeira vez.

Temple Bar

Ficar na região do Temple Bar, em Dublin 2, é garantia de estar sempre próximo dos bares mais famosos. O burburinho de turistas é enorme por lá e há muito movimento, seja de dia ou à noite. Vale para quem quer curtir o lado básico da vida noturna de Dublin, com barzinhos com música ao vivo, cerveja cara e pessoas de todas as partes do mundo.

O bairro é também um bom ponto de partida para conhecer Dublin, já que fica bem próximo à região mais central, o que facilita a locomoção (veja nossas dicas para conhecer a cidade usando o transporte público). Além de alguns hotéis, há diversos hostels com bons preços no Temple Bar, como o Oliver St. John Gogarty e o Abigail’s.

∴ Reserve hospedagem no Temple Bar ∴

Melhores bairros de Dublin: Temple Bar

Grafton Street e St. Stephens Green

Quem pode esbanjar um pouco certamente vai gostar de ficar hospedado na região da Grafton Street e do St Stephen’s Green, em Dublin 2. A Grafton é a principal rua comercial de Dublin e também o metro quadrado mais caro da cidade. Muitas lojas, músicos de rua, uma decoração toda charmosa durante o Natal e a facilidade de transporte para outras regiões fazem com que essa seja uma ótima escolha. Além de alguns hotéis, o bairro também conta com muitos apartamentos de temporada para alugar – e você ainda estará bem pertinho do Temple Bar!

∴ Veja hotéis disponíveis na região ∴

Onde se hospedar em Dublin: Grafton Street

Centro da cidade (D1)

Em Dublin 1 fica o centrão da cidade. É pertinho de tudo e o transporte é realmente facilitado se você ficar nessa região. Apesar disso, o bairro não é tão bonito quanto os anteriores e há muitas áreas meio escuras à noite, ocorrendo também alguns casos de violência ocasionados em geral por usuários de drogas (esse texto aqui explica bem a questão). Se hospedando próximo ao Spire e entre o Rio Liffey e a Parnell Street, as chances de ter qualquer problema caem consideravelmente.

Entretanto, ficar em Dublin 1 significa estar ao lado da estação de ônibus e próximo das estações da linha DART (trens urbanos). Ou seja, é uma boa localização para quem pretende usar Dublin como base para explorar mais da Irlanda ou ir até a Irlanda do Norte, por exemplo.

∴ Pesquise hotéis no centro de Dublin ∴

Onde ficar em Dublin: Centro da Cidade - D1

Nossa escolha: Rathmines ♥

Eu conheci Rathmines por acaso. Como fui morar em Dublin sem muito dinheiro no bolso (ou seja, nada além do que era obrigatório comprovar para o ingresso no país), acabei parando em Rathgar, um bairro bem charmoso em Dublin 6, onde fiquei hospedada na Marilyn Mansion (uma pousada ótima, por sinal!). No meu caminho diário, eu passava por Rathmines e fui desenvolvendo um amor pelo bairro. Quando pesquisei onde morar definitivamente, já sabia que essa seria minha escolha.

Não era a parte mais barata de Dublin – estas geralmente ficam localizadas nas áreas ímpares da cidade e Rathmines fica em Dublin 6 -, mas era o “meu bairro”, sabe? Então paguei aquele aluguel que dava para pagar e acabei morando num cubículo no subsolo. Poderia ter alugado um apartamento melhor em outras áreas da cidade? Claro que sim, mas eu não ia ser tão feliz quanto fui naquele muquifinho minúsculo cheirando a mofo!

∴ Reserve sua hospedagem em Rathmines ∴

Dicas de hospedagem em Dublin - Irlanda

MAS… Rathmines não é o melhor bairro para quem vai passar apenas alguns dias em Dublin. Por ser um pouco afastado do centro (cerca de 30 minutos de caminhada) e não dispor de transporte direto para algumas das principais atrações, o bairro definitivamente não é uma escolha para qualquer tipo de viajante. É sim um lugar onde você vai ver a vida normal da cidade, poderá ir a pé para muitos bares e restaurantes (espia essas dicas), mas pode não ser um bom ponto se o objetivo for turistar até morrer. Por tudo isso, acho que Rathmines combina melhor com viagens que durem pelo menos uma semana.

O bairro também é super indicado para quem pretende fazer intercâmbio em Dublin. Na hora de escolher a hospedagem, tenha em conta que, quanto mais perto você estiver do canal, melhor. Uma boa dica de hospedagem é o Travelodge, que tem uma ótima localização e fica ao lado de um supermercado.


Planeje sua viagem

Os links abaixo pertencem a parceiros comerciais do blog e foram inseridos espontaneamente pela autora. Ao reservar serviços através destes links, você ajuda o Quase Nômade a se manter em funcionamento, recebe nossa gratidão eterna e não paga nada a mais por isso! ♥

✈️ Viaje com a KLM

🏨 Reserve seu hotel com o Booking

🚗 Alugue um carro com a Rentcars

💉 Faça o seguro viagem com a Seguros Promo ⇒ use o código NOMADE5 e ganhe 5% de desconto


Blogueiros contam onde se hospedaram em Dublin

⇒ Transporte público em Dublin: como chegar aos principais pontos turísticos

⇒ Os melhores bares e pubs em Dublin para conhecer durante uma viagem

⇒ Como é a visita à Guinness Storehouse, a fábrica da cerveja Guinness em Dublin

⇒ Roteiro de viagem por 7 cidades da Europa com estimativa de gastos

⇒ Dica para economizar em passagens pela Europa

Depois de me formar em comunicação, passei um tempo morando na Argentina, Irlanda e na Romênia. Foi morando cada vez menos que esqueci o significado da palavra e hoje mantenho a capital gaúcha como sede dessa vida quase nômade.

Queremos ouvir seu comentário!