Atrações grátis na Cidade do México: como curtir a viagem quase de graça

Quem viaja com frequência sabe que não dá para ficar gastando em tudo que se vê por aí: é preciso escolher bem quais passeios fazer, quais museus visitar e, às vezes, até quais comidinhas valem a pena provar. Mas um pouco de economia não cai mal à ninguém. Por isso, listamos algumas coisas grátis na Cidade do México que merecem entrar em qualquer roteiro – e também outras maneiras de economizar por lá. 😉

Atrações grátis (ou quase) na Cidade do México

Tour a pé pelo Centro Histórico

Não é exatamente grátis, mas é baseado em gorjetas. Assim, você paga o quanto achar que o tour valeu. O passeio dura duas horas de caminhada pelo Centro Histórico e sai todos os dias às 11h. O ponto de encontro é no Zócalo, em frente à Catedral Metropolitana da Cidade do México. É uma oportunidade única para conhecer mais sobre a história do país e inclui desde lendas astecas até mesmo algumas curiosidades sobre a história política recente.

Atrações grátis na Cidade do México

passeio pode ser feito em inglês ou espanhol, o que adoramos, já que nos viramos muito melhor no idioma dos nossos hermanos. A mesma empresa que oferece esse tour tem também um passeio grátis por Coyoacán (que não chegamos a conferir 🙁 ), além de alguns tours pagos na Cidade do México. Eles também oferecem passeios em diversas cidades do mundo. \o/

O que fazer de graça na Cidade do México

Museus grátis na Cidade do México

Nós adoramos visitar museus quando conhecemos uma nova cidade, mas nem sempre estamos dispostos a gastar todo o salário do mês para pagar uma entrada. E, com algum tempo de estrada, aprendemos que é possível visitar muitos museus pelo mundo de graça. 🙂

Na Cidade do México praticamente todos os museus são grátis aos domingos. A regra vale para o Palácio de Belas Artes, para a Galeria do Palácio Nacional e para o Templo Mayor, mas não se aplica ao Museu de Antropologia nem ao Museu Frida Kahlo. As zonas arqueológicas também oferecem entradas grátis aos domingos para pessoas que têm residência no país.

Outra dica é conferir a programação da Noite dos Museus, que acontece sempre na última quarta-feira do mês. Neste dia, há algumas atrações grátis e diversos museus oferecem entradas promocionais para os visitantes.

∴ Como conhecer a Cidade do México através dos seus museus ∴

Coisas para fazer de graça na Cidade do México

Transporte público “quase” de graça

O metrô da Cidade do México funciona muito bem e pode ser uma ótima opção para se locomover durante a viagem – ainda mais quando a maioria dos mexicanos adora lembrar que os táxis por lá não são muito confiáveis. O valor da corrida? 5 pesos (ou pouco mais de R$ 1)! A tarifa é considerada uma das mais baratas do mundo.

Outra opção é o Metrobús, que sai por 6 pesos e é uma espécie de metrô que anda pela superfície. Para pegar o transporte, será preciso comprar um cartão de viagens por 16 pesos (R$ 3,50), que já vem com a primeira carga e pode ser recarregado diretamente nas estações.

Comendo muito barato

Independente de onde você esteja hospedado, é provável que encontre um restaurante de comida corrida nas proximidades. Geralmente, é possível comer por valores entre 40 e 70 pesos (R$ 8 a R$ 15) nos mais populares – são normalmente os lugares onde os trabalhadores aproveitam para almoçar nos dias de semana, equivalente aos buffets a quilo aqui no Brasil.

Como economizar na Cidade do México

A comida corrida se trata de uma sequência, que quase sempre inclui uma sopa de entrada, outra entrada seca (geralmente massa, salada ou arroz) e um prato principal. Alguns lugares ainda oferecem uma água de sabor (normalmente, os sabores são tamarindo, jamaica ou horchata/arroz) e até uma sobremesa.

Para quem tem estômago forte, outra boa dica é improvisar com alguns tacos de rua – na minha opinião, os mais saborosos de todos. Nesse caso, os preços costumam variar entre 12 e 30 pesos (R$ 2,50 a R$ 6), dependendo do local onde você comer.

Comida barata na Cidade do México

Nota: os valores apresentados e a conversão mostrada são referentes aos meses de janeiro e fevereiro de 2016 e podem sofrer alterações a qualquer momento. 


Planeje sua viagem

Os links abaixo pertencem a parceiros comerciais do blog e foram inseridos espontaneamente pela autora. Ao reservar serviços através destes links, você ajuda o Quase Nômade a se manter em funcionamento, recebe nossa gratidão eterna e não paga nada a mais por isso! ♥

✈️ Viaje com a Latam

🏨 Reserve seu hotel com o Booking

🚗 Alugue um carro com a Rentcars

💉 Faça o seguro viagem com a Seguros Promo ⇒ use o código NOMADE5 e ganhe 5% de desconto


⇒ Roteiro completo de viagem pelo México com estimativa de gastos

Como conhecer as pirâmides de Teotihuacan por conta própria

⇒ Coisas que todo viajante deveria saber antes de ir para o México

⇒ Viajando pelo México: qual meio de transporte escolher para cada trajeto

⇒ Este roteiro inclui todas as principais atrações da Cidade do México

⇒ Um passeio pelo Museu Frida Kahlo na Cidade do México

⇒ Fomos conhecer Xochimilco, a tal “Veneza do México”

Apaixonada por contar histórias, trabalha com conteúdo desde 2010. Depois de passar quase três anos morando no exterior, percebeu que poderia carimbar o passaporte mais vezes caso trabalhasse remotamente. Hoje vive em Porto Alegre, onde nasceu, e não precisa mais pedir folga para viajar. Também escreve para os sites Hypeness e Quanto Custa Viajar.

Deixe seu comentário <3

*