Imagem via https://pixabay.com/en/europe-flag-star-european-1395913/

Roteiro de viagem pela Europa com estimativa de gastos: Amsterdã, Bruxelas, Londres + 4 cidades

Ano passado fizemos um roteiro por sete cidades europeias durante cerca de 50 dias e percebi que ainda não tinha compartilhado os detalhes com vocês. 🤦 Como nosso roteiro completo pelo México é o maior sucesso aqui no blog, acho que esse roteiro pela Europa também pode ajudar muita gente no planejamento de um itinerário pelo velho continente – e o melhor, tem estimativa de tudo o que gastamos em cada cidade!

Sempre que fazemos uma viagem longa, eu anoto todos os detalhes do roteiro em uma planilha própria e vou criando uma aba diferente para cada viagem. Parece uma loucura, mas é o que me ajuda a manter tudo organizado e saber quanto estou gastando em média com hospedagem, transporte, etc. Foi usando essas anotações que eu criei um gráfico com a porcentagem de gastos destinada a cada item do roteiro (confira no final do post) – assim fica mais fácil de pensar quais itens economizar na próxima viagem!

Roteiro de viagem pela Europa

Amsterdã

Nosso roteiro começou por Amsterdã, na Holanda, onde chegava nosso voo pela KLM (o mais barato que encontramos saindo de Porto Alegre e comprando com uns seis meses de antecedência).Como não estávamos interessados em fazer mil conexões pelo caminho, optamos por visitar a cidade, que já conhecemos, uma segunda vez, e curtir tudo com um pouco mais de calma. Confere o nosso roteiro por Amsterdã aqui.

Voo entre Porto Alegre e Amsterdã: R$ 2.243 voo pela KLM

Hospedagem (casal): ficamos hospedados em dois hotéis diferentes durante nossa passagem pela cidade. No Hotel Torenzicht pagamos uma média de € 60/dia, enquanto os dias que ficamos no Ibis Budget Amsterdam Airport nos custaram cerca de € 49/dia (+ dicas de hotéis aqui)

Tempo de permanência: 5 dias

Gastos médios por dia: € 50 por pessoa (R$ 187)

∴ Leia aqui todos os posts sobre Amsterdã ∴

∴ Pesquise hospedagem em Amsterdã ∴

Roteiro de viagem pela Europa - Amsterdã

Praga

Praga foi uma cidade que eu fiz questão de incluir nesse roteiro, apesar de ela ficar meio na contramão dos lugares que visitaríamos (e de que isso acabou aumentando um pouco nossos custos com passagens internas). Fazia muito tempo que eu queria conhecer a capital da República Tcheca e, como tinha feito um semestre de curso de tcheco, achei que estava na hora de colocar a aprendizagem em prática. *Spoiler*: não consegui me comunicar em tcheco com ninguém, mas o inglês sempre salva nessa hora. 😛

Voo entre Amsterdã e Praga: gastamos € 29 (R$ 108) em um voo da EasyJet

Hospedagem (casal): alugamos um apartamento inteiro pelo Airbnb, em uma zona muito bem localizada e pagamos aproximadamente R$ 115 por noite (veja informações sobre custo da hospedagem na cidade aqui)

Tempo de permanência: 18 dias

Gastos médios por dia: cerca de 700 coroas tchecas (R$ 100) por pessoa

∴ Veja todos os nossos posts sobre Praga ∴

∴ Ganhe um bônus de R$ 100 para sua primeira reserva pelo Airbnb ∴

Roteiro pela Europa com estimativa de gastos - Praga

Bruxelas

Embora Bruxelas, na Bélgica, não estivesse no nosso roteiro original, resolvemos incluir a cidade por uma questão de economia nas passagens. Sim, passamos um dia inteiro em Bruxelas praticamente de graça, porque o que gastamos com passagens para lá e de lá para Dublin, incluindo ainda os gastos na cidade, era menos do que o que gastaríamos em uma passagem direta – explicamos melhor essa história aqui. Por isso, nossa visita foi curtinha e tivemos apenas algumas horas para aproveitar a cidade (espia nosso roteiro!), mas já foi suficiente para amar o passeio e beber muitas cervejas pelo caminho.

Voo entre Praga e Bruxelas: 468 coroas tchecas (R$ 67) pela RyanAir

Tempo de permanência: uma tarde 😛

Gastos por dia em Bruxelas: € 30 (R$ 112) por pessoa

∴ Veja todos nossos posts sobre Bruxelas ∴ 

∴ Pesquise hospedagem na cidade com o Booking ∴

Viagem pela Europa - Bélgica

Dublin

Dublin era o real motivo da nossa viagem, já que estávamos indo ao casamento de um amigo que conhecemos enquanto morávamos na Irlanda. Por isso mesmo, era também o único lugar que tínhamos data para chegar, então tivemos que nos organizar para estar lá a tempo. Durante 11 dias, nosso roteiro era focado em relembrar nossos lugares preferidos e visitar aqueles em que não tínhamos ido quando moramos na cidade, como a Guinness Storehouse.

Voo entre Bruxelas e Dublin: € 17 (R$ 64) pela RyanAir

Hospedagem (casal): reservamos um apartamento pequeno pelo Airbnb no nosso bairro preferido em Dublin (Rathmines) e nos custou cerca de R$ 285 por noite (confira também estas dicas de hospedagem na cidade)

Tempo de permanência: 11 dias

Gastos por dia em Dublin: € 30 (R$ 112) por pessoa

∴ Veja tudo que escrevemos sobre Dublin ∴

∴ Reserve sua hospedagem com o Booking ∴

Roteiro pela Europa - Dublin

Edimburgo

Como nossa passagem por Edimburgo foi rápida, de apenas dois dias, não escrevemos nada sobre a cidade aqui no blog. Afinal, decidimos nos dar umas férias enquanto estávamos por lá (às vezes a gente também merece viajar sem pensar em nada! 😉 ). Mesmo assim, a cidade casou perfeitamente com nosso roteiro – e é linda demais!

Voo entre Dublin e Edimburgo: € 19 (R$ 71) pela RyanAir

Hospedagem (casal): alugamos pelo Airbnb um apartamento muito legal e todo novinho de dois quartos para dividir com um casal de amigos. No total, pagamos cerca de R$ 300 por noite por casal. [Ganhe R$ 100 de bônus em sua primeira reserva pelo Airbnb]

Tempo de permanência: 2 dias

Gastos por dia em Edimburgo: £ 30 (R$ 123) por pessoa

∴ Pesquise hotéis em Edimburgo ∴

Roteiro de viagem completo pela Europa

Londres

Já conhecíamos Londres, na Inglaterra, de uma viagem anterior que havíamos feito. Desta vez, decidimos explorar o East London e curtir a cidade com mais calma, sem nenhum tipo de planejamento. Durante cinco dias, fomos descobrindo alguns cantinhos diferentes para curtir a capital britânica, como estes três lugares para comer barato por lá.

Voo entre Edimburgo e Londres: £ 45 (R$ 185) pela British Airways

Hospedagem (casal): novamente usamos o Airbnb para alugar um quarto localizado no East London, mas em um apartamento bem tenso, que dividimos com mais dois quartos de desconhecidos (as pessoas mudavam quase todo dia), por R$ 120 por noite. Veja também as dicas de hospedagem de outros blogueiros.

Tempo de permanência: 5 dias

Gastos médios por dia: £ 35 (R$ 144) por pessoa

∴ Veja aqui todos os nossos posts sobre Londres ∴

∴ Reserve sua hospedagem na cidade ∴

Roteiro de viagem por 7 países europeus

Nápoles

O Diego sempre quis conhecer Nápoles, na Itália, e nós estávamos adiando essa viagem há tempos. Confesso que eu não esperava muito da cidade e tinha ouvido tantas coisas negativas que fui com expectativa zero, mas acabei me apaixonando! Depois de alguns dias, já estávamos cogitando a possibilidade de estender a viagem por mais alguns dias só para ficar por lá. 🙈

Voo entre Londres e Nápoles: € 47 (R$ 176) pela EasyJet

Hospedagem (casal): alugamos pelo Airbnb um quarto em um apartamento compartilhado com mais um casal próximo à universidade e ao centro histórico por R$ 105 por noite.

Tempo de permanência: 10 dias

Gastos por dia em Nápoles: € 30 (R$ 112) por pessoa

∴ Veja tudo que já escrevemos sobre Nápoles ∴

∴ Ganhe um bônus de R$ 100 para sua primeira reserva pelo Airbnb ∴

Roteiro de viagem pela Europa

Dicas para economizar em um roteiro pela Europa

  • Planeje sempre qual o melhor meio de transporte entre as cidades do seu roteiro. O site Rome2Rio ajuda a comparar preços de avião, trem, ônibus e transporte marítimo entre diversos destinos. Na Europa, é comum que trens ou ônibus sejam mais econômicos para viagens dentro de um mesmo país, enquanto os voos de companhias aéreas low cost costumam ser mais vantajosos para conexões entre países.
  • Viaje com pouca bagagem: a maioria das companhias irá limitar a quantidade de bagagem a ser levada nos voos. Nesse caso, levar apenas uma mala de mão evita gastos extras.
  • Use transporte publico sempre que possível. Além de ser mais econômico, é uma maneira de conhecer de perto a vida local.
  • Compare preços de hotéis e hostels com os oferecidos pelo Airbnb para ver o que é mais vantajoso em cada destino. Geralmente, ficar em um hotel pode ser uma boa ideia para estadias curtas, enquanto viagens de mais de uma semana de duração costumam ter preços melhores no Airbnb.
  • Muitos museus e atrações turísticas oferecem um dia com entrada gratuita. Pesquise qual é e, se puder, aproveite para conhecer o local sem pagar nada.

Roteiro de viagem pela Europa: gastos

Para ajudar a entender os gastos, nós fizemos o gráfico abaixo mostrando quanto cada item representou no total de gastos da viagem. A hospedagem, por exemplo, foi responsável por 30% do nosso orçamento total (o que poderia ser evitado caso usássemos algumas opções de hospedagem gratuita pelo continente, ou ficássemos em hostels).

Em compensação, as passagens aéreas que sempre parecem tão caras, foram responsáveis por menos um quarto de tudo o que gastamos durante nosso roteiro pela Europa – incluindo tanto as passagens entre o Brasil e o continente quanto os voos internos entre as cidades europeias. No final das contas, os maiores gastos foram os do dia a dia, com alimentação, transporte e ingressos para atrações.

Estimativa de gastos Europa

Dá para fazer mais barato?

Claro que sim. Como buscamos sempre hospedagens mais confortáveis e bem localizadas, embora muito econômicas, essa parte poderia ter ficado bem mais barata caso optássemos por um hostel, por exemplo. Além disso, cozinhar mais vezes enquanto viaja pode ser uma boa maneira de diminuir custos – nesse caso, tanto um hostel quanto um apartamento alugado pelo Airbnb costumam sempre oferecer cozinhas para os hóspedes.

Também costumamos incluir muitas passagens por bares quando viajamos e isso certamente aumenta bastante essa conta – chuto que uns 5 a 10% do orçamento pode ser economizado se tirarmos as cervejinhas e vinhos que tomamos durante a viagem. 🍻

Mesmo assim, nossa viagem teve muito transporte público, poucas compras (quase nenhuma, na verdade) e passou bem longe de qualquer luxo. Por isso, esse valor também pode acabar sendo bem mais alto dependendo do seu estilo de viagem. Afinal, o que descrevemos aqui é o que funcionou para nós e não necessariamente vai funcionar para todos os viajantes.

Nota: os valores apresentados são referentes aos meses de outubro e novembro de 2016. Todos os preços estão na moeda em que os encontramos e, quando necessário, a conversão para reais foi feita na semana da publicação deste post, de acordo com o câmbio oficial. Ambos podem sofrer alterações a qualquer momento.


Planeje sua viagem

Os links abaixo, bem como alguns dos links que se encontram ao longo do texto, pertencem a parceiros comerciais do blog e foram inseridos espontaneamente pela autora. Ao reservar serviços através destes links, você ajuda o Quase Nômade a se manter em funcionamento, recebe nossa gratidão eterna e não paga nada a mais por isso! ♥

✈️ Viaje com a KLM

🏨 Reserve seu hotel com o Booking

🚗 Alugue um carro com a Rentcars

💉 Faça o seguro obrigatório com a Seguros Promo ⇒ use o código NOMADE5 e ganhe 5% de desconto


⇒ 5 maneiras de encontrar hospedagem grátis em sua próxima viagem

⇒ Seguro viagem internacional: é seguro viajar sem um?

⇒ O que fazer em Amsterdã: o melhor da cidade em pouco tempo

⇒ Turismo sustentável: 13 atitudes que você pode tomar em qualquer viagem

⇒ Onde se hospedar em Londres: blogueiros de viagem indicam suas regiões preferidas

Apaixonada por contar histórias, trabalha com conteúdo desde 2010. Depois de passar quase três anos morando no exterior, percebeu que poderia carimbar o passaporte mais vezes caso trabalhasse remotamente. Hoje vive em Porto Alegre, onde nasceu, e não precisa mais pedir folga para viajar. Também escreve para os sites Hypeness e Quanto Custa Viajar.

Deixe seu comentário <3

*